lentes de contato

Depositou as pesadas lentes sobre a geladeira, os olhos pesados, tortos por esperar tanto e nada, absolutamente nada aconteceu após descer calorosamente as escadas. À procura de… à procura de quê mesmo? Não sabia. Sequer imaginava quanto tudo pareceria menos real sem o mundo conduzido pelas 21mm de sua vida, não mais que isso, quase nunca teleobjetivas.

Anúncios

3 Respostas para “

  1. Pois eu tenho uma mão no meu bolso
    E a outra está fazendo o sinal de paz.

  2. quase nunca teleobjetivas.

  3. o quando não se pode ver as distorções ao redor, nem as nossas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s