28025

é assim quando você acorda meio peter sellers ou mesmo tom stall, tudo gira ao seu redor e em 24h tudo cisma em desaparecer, tudo alienadamente colado por um fixador químico que deixa manchas brancas que não sabemos se sairá na revelação, se transformará as pegadas da manhã em meros esboços do que planejamos e enfrentamos. – arduamente?
e você pode subir em um cartepillar velho e pixado com inscrições hippies que nada, absolutamente nada vai mudar com seu grito. – despero? – talvez! – melhor ficar tetraplégico e não observar porque seu pescoço não pode dar aquela volta sobre os ombros, como sempre vemos. estar apagado como um vela num mausoleum abandonado e frio, fúnebre, sem ar. melhor estar longe, preso, não estar.
talvez entrar em películas ou mesmo disquinhos que mudam de cor conforme a iluminação seja a saída. não sei, talvez espiar de um banco na pracinha da igreja os outros passarem sorrindo e às vezes chorando.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s