seis versos sérios

fique fingindo que sabe das coisas
não apareça para o almoço
acredite em mim!
ou não sou verídico?
os olhos fecham, sentem-se pesados
procuram apoio, correm lentamente.
cremos que aconteceu o inesperado
nada foi dito por acaso
esqueceu que não tenho tempo?
ou não soou verídico?
o centro dos meus pés ficam dormentes
e ai, como você está?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s